Articles i Notícies d'interès

En aquest bloc es publiquen articles i notícies considerades d'interès per a tots els membres del MxI-ANC


diumenge, 11 de juliol de 2010

Mais de um milhão de pessoas pedem «independência» em Barcelona

Tribunal Constitucional decidiu não reconhecer Catalunha como nação nem a precedência do catalão em relação ao castelhano enquanto língua

REDACCIÓ DEL DIARI PORTUGUÈS 'IOL DIÁRIO'.

Exigiu-se «independência» este sábado na capital catalã, Barcelona, numa das maiores manifestações realizadas em Espanha, desde a instauração do período democrático. De acordo com a Guardia Urbana (equivalente à polícia municipal) estiveram nas ruas da cidade 1,1 milhões de pessoas. Os organizadores subiram este número para um milhão e meio de manifestantes.

Este protesto foi motivado pela sentença do Tribunal Constitucional (TC) que decidiu que não existem bases legais para reconhecer a Catalunha como nação e a precedência do catalão em relação ao castelhano, enquanto língua na região.

A causa deste processo judicial foi a reforma do Estatuto da Catalunha, aprovada após de um referendo regional, em 2006, em que foram assegurados mais poderes ao parlamento local em matérias judiciais e recolha de impostos.

A decisão do TC, conhecida esta sexta-feira, representou um duro revés para as pretensões catalãs de mais autonomia em relação a Madrid.

De acordo com o jornal «El País», todos os elementos do governo catalão estiveram presentes na manifestação deste sábado, por considerarem a sentença judicial como uma «provocação» à região, que pretende ser reconhecida como uma entidade nacional e linguística.

«Somos uma nação, nós decidimos» foi o lema do protesto, inscrito em muitos cartazes. Mas nas ruas de Barcelona também se gritou «independência» e ouviram-se palavras de ordem contra a centralidade madrilena: «TC, Tribunal Franquista», «A nossa sentença é a independência» e «Adeus Espanha» foram algumas delas.

IOL Diário - 10/7/10